Confira alguns materiais essenciais para uma lanchonete

O ramo alimentício no Brasil, atualmente, é um dos que mais emprega e obtém o maior retorno de investimento, principalmente em lanchonete.

Especula-se, com certo positivismo, que trata-se de um setor quase à prova de grandes falhas, caso sejam escolhidos uma boa localização e os produtos adequados, em um primeiro instante.

Bares, restaurantes e lanchonetes precisam ter uma cozinha adaptada de acordo com as refeições que serão desenvolvidas. E todo este planejamento reflete, diretamente, na qualidade e eficiência no serviço oferecido.

A lanchonete é vista como um ambiente de descontração, diversão com amigos, e familiares. Portanto, antes de montar uma lanchonete é preciso identificar o público-alvo, para assim oferecer bebidas e pratos que agradam à clientela.

Este ramo surpreende cada vez mais com lugares e ambientes que se destacam pela beleza e singularidade do espaço.

Estar bem localizado é um dos segredos do sucesso de qualquer estabelecimento, é claro, que esta regra também deve ser seguida para as lanchonetes.

Em primeiro lugar, é importante que a sua lanchonete seja instalada em uma região em que haja bastante fluxo de pessoas, especialmente, daquelas que se enquadram no perfil do seu público consumidor.

Além disso, o estabelecimento também deve ficar bem localizado para o acesso dos funcionários e recebimento dos insumos.

Para que o estabelecimento produza lanches de boa qualidade é essencial contar com os equipamentos apropriados para conservar e manipular os alimentos.

Equipamentos e itens necessários

A escolha dos equipamentos e móveis precisa ser feita com cuidado, atentando-se aos fatores preço/qualidade, em equilíbrio com a combinação de cores e harmonia, as quais influenciam diretamente no bem-estar da clientela ao entrar no estabelecimento, até mesmo na fome e desejo de comprar o lanche.

Entre esses equipamentos e itens necessários, podemos destacar:

  • Estufa;
  • Caixa plástica para hortifruti;
  • Balcão Caixa;
  • Balcão Refrigerado;
  • Freezer, geladeira;
  • Coifas e Sistema de Exaustão (exaustor de parede);
  • Fogão Industrial, chapas para Lanches, fritadeiras Elétricas;
  • Fornos Micro-ondas para aquecer lanches (se necessário);
  • Liquidificadores, processadores de Alimentos, extrator para Sucos;
  • Sanitizadores de Saladas;
  • Balcões de Atendimento;
  • Bases para Equipamentos;
  • Bancadas de Inox;
  • Expositores, vitrine Fria;
  • Mesas e Cadeiras;
  • Estantes em Inox;
  • Caixa organizadora grande (para estocar alimentos);
  • Pias em Inox;
  • Caixa termica de isopor.

Indispensável para a organização\execução

Cestas e caixotes, são baratas opções em organização de objetos como temperos e garrafas, ou até mantimentos enlatados.

Para a organização de despensas e prateleiras é essencial a caixa organizadora plastico, organizando, separadamente, condimentos e laticínios.

Vidros e potes também são boas opções para a armazenagem de temperos, grãos e alimentos em pó.

Além de melhor conservados, pode-se intitular com etiquetas delicadas e guardá-los de forma que poupe espaço e tenha-se uma maior noção da quantidade de cada alimento.

A chapa a gás atua no preparo de sanduíches e hambúrgueres. Com a chapa é possível também fazer tapioca, crepe e outros alimentos.

Por isso o ideal é adquirir uma chapa grande, que tenha uma área para esquentar e amassar pão também.

Uma boa circulação de ar na cozinha é imprescindível para que a fumaça e os cheiros produzidos pelos alimentos (sobretudo grelhados e frituras) não se espalhem.

A coifa para lanchonete, pode ou não trocar o ar do espaço. Um dos modelos conta com um sistema de tubulação que faz essa troca por meio da sucção do ar, funciona portanto, como um exaustor.

Freezer, torna-se um item opcional, embora de grande valia, dependendo das instalações, exigências e necessidades.

Em grande parte dos casos, é mais rentável trabalhar com um sistema de revenda (refrigerantes, sucos, água e afins), solicitando o freezer da própria marca, que costuma ser cedido para uso do estabelecimento sem custos adicionais.

O balcão vitrine é um dos itens indispensáveis, pois, servirá com a divisória entre a parte do funcionário, atendimento e vitrine para os produtos.

Em geral, são projetados em inox, com tampa de vidro temperado, para a exposição de produtos. Além dos modelos refrigeradores, existe a opção sem refrigeração.

Sem ela, o balcão com vitrine é usado para salgados, tortas, bolos, entre outros, levando em conta seu rápido consumo, uma vez que não podem ficar tanto tempo expostos sem o acondicionamento correto.

Com a refrigeração, o balcão pode ser usado para doces, tortas geladas, sobremesas, bebidas, etc.