Empresas de transporte investem em treinamento de equipe

transporte

O crescimento de fábricas e indústrias tornou o setor de transporte mais necessário do que nunca. A oferta de serviços de mobilidade urbana também cresceram, atendendo a diferentes públicos da sociedade.

A movimentação de cargas e serviços praticados por motoristas executivos tem atendido diferentes cenários, e a mão de obra especializada se torna uma necessidade para garantir a qualidade dos serviços.

Empresas preparam mão de obra qualificada

Os empreendedores do setor de logística de transportes têm investido no treinamento e desenvolvimento de profissionais, empregando características próprias para atender um mercado cada vez mais específico e necessário.

Os condutores de veículos são necessários para a movimentação de cargas e no próprio atendimento a clientes específicos, como chofer de veículos particulares e motorista de caminhão de diferentes categorias.

Para garantir que as normas e leis de trânsito sejam cumpridas à risca, a reciclagem dos motoristas também está sendo obrigatória, assim como o processo de digitalização dos documentos e o emprego de novas práticas de condução de veículos.

As empresas que trabalham no setor de transporte disponibilizam salas para treinamento constante, com profissionais de diferentes áreas de atuação, promovendo mais conhecimento em política de segurança, meio ambiente e saúde.

A precaução quanto a acidentes, roubos e furtos nas vias públicas, ruas, avenidas, estradas e rodovias, podem ser evitadas com atenção redobrada e emprego de tecnologias de comunicação e acompanhamento instantâneo oferecido por empresas especializadas.

As orientações quanto à saúde, por exemplo, são voltadas a:

  • Alimentação adequada;
  • Cuidados nos pontos de parada;
  • Postura do banco regular;
  • Duração de viagem com pausas.

Esses cuidados previnem acidentes, excesso de velocidade e atenção redobrada com terceiros. O meio ambiente também é uma pauta sempre abordada nos cursos e treinamentos.

A manutenção e emissão de gases deve estar de acordo com os níveis aprovados pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, ou então a transportadora e o motorista podem receber uma multa e o veículo ser apreendido e liberado apenas quando tudo estiver devidamente regularizado.

Dois serviços exclusivos tem crescimento no setor

As empresas de transporte também atendem serviços voltados para o ambiente urbano, transportando documentos, produtos alimentícios e farmacêuticos, além de atendimento a profissionais que precisam realizar trajetos de maneira escoltada.

A abertura de uma empresa de motoboy passou a atender diferentes setores, principalmente, nos grandes centros urbanos, onde o número de veículos aumentou e os trajetos ficaram mais demorados.

Não para as motocicletas, que se aproveitam dos corredores para fazer as entregas com a máxima eficiência e segurança.

Já executivos, celebridades, políticos e outros profissionais que precisam de percorrer um trajeto de maneira segura contratam profissionais que trabalham com transporte executivo, utilizando veículos blindados ou apropriados para garantir a segurança de passageiros.

Os motoristas que fazem esse tipo de serviço passam por treinamentos específicos com técnicas de direção defensiva, evitando qualquer tipo de abordagem de terceiros.

Segurança imobiliária permite estacionamento geral

Os veículos voltados para os serviços oferecidos para as mais diferentes empresas e corporações devem ficar à disposição em um espaço adequado, com todos os procedimentos de segurança adotados.

O estacionamento pode ser coberto, contanto que tenha a aprovação e certificação comprovados por meio do auto de vistoria do corpo de bombeiros, realizado em tempo hábil para a abertura do empreendimento comercial.

Determinante para a segurança dos funcionários e usuários que costumam estar presentes neste tipo de espaço, os estacionamentos precisam contar com equipamentos de combate a incêndio, entre eles:

  • Extintor de incêndio apropriado;
  • Área de escape;
  • Luzes de emergência;
  • Comunicação visual e sinalização.

O projeto deve passar por uma verificação in loco, comprovando a estabilidade do imóvel e toda a segurança em casos de acidente ou incêndio.

A vistoria é realizada por profissionais capacitados, como engenheiros ou arquitetos, e referendados pelo corpo de bombeiros, com validade variável entre um e cinco anos, dependendo do empreendimento imobiliário.

No caso dos estacionamentos, com fiscalização dos órgãos competentes, a validade do AVCB bombeiros é de cinco anos, devendo ser realizado um novo laudo para garantir a segurança de todos e substituição dos acessórios de combate a incêndio, conforme a validade das mangueiras e extintores e, até mesmo, das características dos hidrantes.

Além do treinamento disponibilizado, para os trabalhadores que atuam na empresa de transportes, é possível preparar civis para situações de emergência e pânico. Isso valoriza a segurança do ambiente e de todos que estão presentes na rotina da empresa.

Investir nos profissionais é uma forma de reter mão de obra capacitada e estar um passo à frente da concorrência. A organização é mais evidente e os processos de trabalho se tornam mais práticos e eficientes, tornando a empresa um sucesso comercial.