Dor no pé da barriga: O que é e como tratar?

dor no pé da barriga

Primeiramente, você precisa entender que dores no pé da barriga  podem vir de muitas fatores, como ulceras, gravidez, alimentação em excesso, etc… Não vá comprar misoprostol pensando que resolvá o problema.

Saiba que sempre é preciso antes de tudo consultar um especialista nesta area, pois nunca devemos tomar atitudes precipitadas, ainda mais não sabendo qual problema.

A dor no pé da barriga na maioria das vezes está relacionada com os órgãos da região do abdômen, como:

  • Útero,
  • Bexiga, 
  • Intestino.

As causas mais comuns como prisão de ventre, má digestão ou infecção urinária, por exemplo, porém, também é possível que a dor na barriga apareça devido a um problema mais sério e que necessite de mais atenção.

Os especialistas recomendam que se a dor na barriga for muito intensa e demora muitos dias para desaparecer, é importante procurar por um médico para identificar e diagnosticar da maneira correta para iniciar o tratamento específico.

Afinal, o que pode causar dor no pé da barriga?

  • Infecção do trato urinário

A infecção urinária pode ocorrer na uretra, bexiga e rins. 

É mais comum que as mulheres sofram mais com esse problema, mas também podem ocorrer em homens. 

A bexiga é o órgão mais provável de ser agredido, popularmente conhecido como cistite.

Os sinais e sintomas de infecção urinária são: 

  1. Dor no pé da barriga, 
  2. Sensação de pressão na barriga,
  3. Urina escura ou com mau cheiro, 
  4. Vontade de urinar mais vezes, 
  5. Sangue presente na urina, 
  6. Dor ou ardência ao urinar.
  • Infecção sexualmente transmissível

Infecção sexualmente transmissível, como o nome já diz, é uma infecção transmitida através do contato sexual. 

As mais comuns são a clamídia e a gonorreia, e são causadas por bactérias e na maioria das vezes surgem juntas.

Em alguns casos, a gonorreia e a clamídia não causam sintomas, porém, algumas mulheres podem se queixar de dor no pé da barriga, principalmente ao urinar. 

Nos homens, a dor pode se localizar nos testículos.

Além da dor pélvica e da dor na barriga, os sintomas de uma infecção sexualmente transmissível incluem: 

  1. Secreção pela uretra, 
  2. Sensação de queimação ao urinar, 
  3. Corrimento, 
  4. Dor ou sangramento no reto, 
  5. Pus na urina, 
  6. Aumento da frequência urinária, 
  7. Dor durante as relações sexuais, 
  8. Nos homens pode causar sensibilidade e inchaço nos testículos 
  • Hérnia

O tipo mais comum de hérnia é a hérnia inguinal, que surge quando o intestino empurra o músculo da barriga e uma parte do órgão fica mais exposta, passando por uma área mais enfraquecida do músculo.

As hérnias inguinais na maioria das vezes afetam os homens. 

É possível reconhecer a hérnia através de um caroço mais sensível na barriga ou na virilha. 

O caroço desaparece quando a pessoa está deitada e pode ser empurrada de volta para dentro da barriga.

Os principais sinais da hérnia são: dor no pé da barriga, e essa dor tende a piorar quando a pessoa começa a sorrir, tossir ou inclinar-se para frente.

  •  Pedra no rim

Essas pedras são formadas por minerais acumulados que se desenvolvem no trato urinário. 

As pedras podem surgir nos rins ou na bexiga. 

Pedras nos rins nem sempre provocam sintomas, mas podem provocar dor no pé da barriga, dor ao urinar, vontade excessiva de urinar, sangue na urina e escurecimento da urina.

Como tratar a dor no pé da barriga?

Quando a dor na barriga é suportável, é possível tratar apenas com receitas caseiras, como chás e até mesmo um remédio comum para dor. 

Mas lembre-se, é preciso saber exatamente de onde vem essa dor, principalmente se ela vem juntamente com outros sintomas, como febre.

Chá caseiro de salsinha pode aliviar a dor na barriga em casos mais simples.

Esta erva possui propriedades diuréticas, além de acabar com as cólicas menstruais. 

Basta utilizar apenas 20 gramas de salsinha fresca e higienizada com 2 litros de água. 

Em uma panela ferva a água e a salsinha, espere uns 5 minutos e desligue o fogo e abafe a panela com a ajuda de uma tampa. 

Feito isso, coe o líquido antes de beber.